Livro de Carlos Gontow

Por Carlos Gontow

 

Quando você está aprendendo uma coisa nova, é natural que erre. Ninguém erra de propósito. Você errou, mas estava tentando acertar. Se não acertou, tente de novo. Se errar novamente, tente outra vez. Após algumas tentativas, acabará aprendendo.

Quem já ouviu falar em Thomas Edison, o grande inventor da lâmpada? Muita gente não sabe, mas ele inventou muitas outras coisas, como o gramofone, uma máquina de marcar votos de eleição, a caneta elétrica e muito mais. (Para mais informações, veja o site http://www.thomasedison.com/).

Eu tive o prazer de visitar a casa dele na cidade de Fort Meyers, na Flórida, Estados Unidos, com a minha família, em 2008. Foi uma experiência incrível. Sabem quantas vezes ele tentou fazer a lâmpada? Quase mil vezes! Mais de 900 vezes a experiência não deu certo; ou seja, ele errou. Mas cada tentativa para ele foi um aprendizado. Até que, finalmente, conseguiu.

Será que você erraria 900 vezes, esperando acertar no final, ou desistiria antes? Diria para si mesmo, “Eu nunca vou conseguir” ou diria “Pode levar tempo, mas conseguirei”?

Lembra quando você aprendeu a andar de bicicleta? Se tivesse desistido ao cair (ou “errar”, pois errou no equilíbrio) nunca teria aprendido. Você anda um pouco, cai, tenta novamente, até aprender a se equilibrar sobre a bicicleta. E quando perceber, já está andando. E aí não cairá mais, certo? Errado. Mesmo quem já sabe andar, às vezes leva um tombinho. Nada mais natural.

A mesma coisa acontece quando você está aprendendo inglês. Você está tentando pensar, falar e entender uma língua muito diferente da sua. É normal que erre e isto é até esperado. Quando você percebe que errou, tentará corrigir seu erro. Mesmo que este processo se repita muitas vezes, chegará um momento em que você não fará mais aquele erro. Fará outros e cada vez que estiver aprendendo algo novo vai errar e, depois de um tempo, acertar. É natural, e é positivo, que isto aconteça.

Quando você cometer um erro, não encare como um fracasso, mas como uma tentativa de sucesso. Se alguém o corrigir (seu professor, por exemplo) não encare isto como uma crítica, pois não é. Tente se corrigir e, se não conseguir, peça para ser corrigido novamente. Você está no caminho certo.

 (Adaptado do blog “Dicas Para Aprender Inglês”)

Escritor, ator, diretor de teatro e blogueiro, Carlos Gontow é professor de inglês há 26 anos. Trabalha com ensino de inglês através de teatro, música e jogos. Tem experiência no ensino de crianças, adolescentes e adultos. Também dá cursos e ministra palestras de treinamento para professores de inglês. É ator e diretor de peças de teatro em inglês. É autor dos livros “The Classroom is a Stage – 40 Short Plays for English Students” (215 páginas, R$ 62,00 em media) e “101 Dicas Para Você Aprender Inglês Com Sucesso” (344 páginas, R$ 58,00 em média) ambos publicados pela DISAL Editora. É também autor do blog “Dicas Para Aprender Inglês” (http://dicasingles.wordpress.com)  – dicas preciosas, que também são publicadas em nosso jornal.

 

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS