Atenção apaixonados por cães! Com o objetivo de solucionar problemas graves de comportamento animal, o zootecnista Alexandre Rossi chega ao Nat Geo no sábado, 16 de agosto, às 22h30, para a terceira temporada de “Missão Pet”.  Ao menos na convivência Humano/Animal, sempre dá para discutir (e investir) na relação…

Alexandre Rossi e Estopinha participam de todos os episódios

Com um pacote gráfico totalmente reformulado, com análise digital de cada animal, desta vez as missões do especialista estão ainda mais difíceis. Ao todo, são seis episódios – um por semana – de uma hora nos quais Alexandre tenta melhorar o relacionamento entre os bichos, o ambiente em que vivem e seus donos. Além de Alexandre Rossi o programa ganha mais um personagem fixo: Estopinha, a cadela que é fiel companheira do especialista, estará com ele em todos os episódios.

“Os casos desta temporada estão ainda mais desafiadores. Procuramos não apenas trazer problemas simples, de mau comportamento animal, mas também curiosos, engraçados e complicados”, diz o zootecnista.

O especialista tem pela frente os mais diversos tipos de casos, como tentar amansar um cachorro que mutilou o dedo de uma pessoa da família, resolver o problema de comportamento de um peru que acredita ser um pavão, ajudar um hipopótamo a realizar exames clínicos e treinar dois cães para cenas de um filme.

Primeiro episódio

Nick é um Fox Terrier extremamente agressivo que já mutilou o dedo de uma funcionária da família Nicolas. O caso é grave e urgente! Por isso Alexandre Rossi foi chamado e precisa agir rapidamente antes que o pior aconteça. No segundo episódio, um “programa do peru”, literalmente:  Alexandre Rossi vai a  uma fazenda, onde um peru está em crise de identidade e um galo vive brigando com o caseiro.

Peru “pensa” que é Pavão

 

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS