Os clientes que almoçarem ou jantarem hoje, 7 de julho, na Lellis Trattoria serão recebidos com uma taça de espumante para festejar os 32 anos da casa. O mesmo acontece nas cidades de Curitiba e Campinas, onde a Lellis Trattoria comemora 14 e três anos, respectivamente. 

 

 

Lellis Trattoria completa 32 anos de muito sabor e alegria

A Lellis Trattoria (rua Bela Cintra, 1849, Jardins, São Paulo, tels 11-3064-2727 e 3062-7699) festeja hoje, dia 7 de julho, domingo, 32* anos de existência. “Com muito sabor e alegria”, costuma dizer o chef e empresário João Lellis. Situada no bairro dos Jardins, a Lellis Trattoria é uma referência de cantina italiana de tradição e qualidade em São Paulo. Recebe diariamente centenas de clientes – paulistanos e turistas – ansiosos por saborear as massas cobertas com diversos tipos de molho, além das carnes, frangos, frutos do mar, peixes, saladas e antepastos.

De acordo com João Lellis, no domingo, todos os clientes que almoçarem ou jantarem na trattoria receberão uma taça de espumante, para festejar a data. Além disso, os músicos da cantina percorrerão as mesas cantando,  no tom certo (que permita que as pessoas consigam conversar), famosas músicas do repertório tradicional italiano.

A casa possui dois salões amplos, com a alegria e a fartura típica das cantinas, música ao vivo, e decoração típica e, ao mesmo tempo, retrô, que valoriza algumas antiguidades, curiosas bugigangas e fotos de amigos e personalidades espalhadas pela casa – que combinam harmonicamente com o ambiente moderno, com toalhas brancas, que valorizam o aspecto clean das mesas.

Há, também, um belo e aconchegante salão de espera, onde os clientes se deliciam com bons vinhos, aperitivos e porções, como as tradicionais torradas ao alho e óleo. Já há alguns anos, saíram da decoração as tradicionais camisetas de futebol penduradas no teto. “Temos apenas camisetas no canto de uma das salas como uma referência à história da trattoria”, diz o restauranter João Lellis. Também entraram na decoração diversas peças antigas, resgatadas por Fábio Lellis, sócio da casa e filho de João Lellis, em antiquários, como caixas registradoras, telefones antigos e vitrolas.

A Trattoria Lellis da Bela Cintra, a matriz da rede, é a única casa dirigida pela família Lellis em São Paulo, que também comanda mais duas trattorias , nas cidades de Campinas e Curitiba.

A casa tem o sabor da tradição, mas está sempre inovando para surpreender e encantar os clientes. A cada ano, dois a três pratos novos são introduzidos no cardápio por João Lellis e Fábio Lellis também apaixonado pela gastronomia.

Conchiglioni, um dos destaques da casa

Entre as sugestões do cardápio, destaque para o Raviolloni à Moda da Casa (recheado com mussarela de búfala com molho de tomates frescos, rúcula, manjericão, filet mignon e tomates seccos* – (R$ 108,00), o Capeletti à Romanesca (creme de leite, manteiga, champignons, presunto e ervilha – Branco recheado de carne ou Verde recheado de ricota e frango – por R$ 98,00); Filet de Linguado Grelhado (à la Fiorentina – ervas, alho, brócolis e batata corada – R$ 123,00 e à Moda do Lellis – champignon, vôngoli, camarão, azeite, manteiga e batata soutê – R$ 126,00), a Perna de Cabrito Assada (com batatas coradas e brócolis ao alho e óleo – R$ 148,00), Cabrito Assado e Desossado (com batatas coradas e brócolis ao alho e óleo – R$ 99,00), o Pernil de vitela assado (também com batatas coradas e brócolis ao alho e óleo – R$ 102,00) e o Pernil de vitela assado (desossado com arroz à Piamontese – R$ 104,00).  Também são muito pedidos o Fuzzillé” (filé grelhado com fuzzilli aos quatro queijos – R$ 126,00 ), criado e lançado por João Lellis;  o Conchiglioni (recheado com catupiry e camarão), que pode vir acompanhado por diversos tipos de molho, como à Camaresca (creme de leite, champignon, catupiry e parmesão gratinado ) por R$ 123,00; e o  Raviolone à Macalu (recheado com mariscos, camarão e lula – R$ 123,00).

Mesmo no inverno, um dos pratos mais pedidos é a Insalata à Moda Lellis, (com alface, escarola, agrião, tomate, palmito e salsão, acompanhados por torradinhas ao alho e óleo – por R$ 47.00 para até três pessoas ou por R$ 71,00, a grande, que serve até seis pessoas).

A estação mais fria do ano é propícia também para as sopas e cremes da casa, como Canja de Galinha (caldo caseiro temperado, cenoura, salsinha e arroz – R$ 36,00), Cappeletti in Brodo (caldo caseiro temperado, cebola, tomate, salsão e salsinha – R$ 42,00), Tagliarini in brodo ou Fettuccini in Brodo (caldo caseiro temperado, cebola, tomate, salsão e salsinha – R$ 42,00), Sopa à Moda do Lellis (caldo caseiro temperado, cebola, tomate, salsão, salsinha, carne moída e legumes – R$ 42,00), Creme de Palmito (creme de leite, gema de ovo, manteiga e queijo parmesão – R$ 43,00), Creme de Aspargos (creme de leite, gema de ovo, manteiga e queijo parmesão – R$ 43,00), Cosomê com Gemas (brodo com gemas – R$ 30,00), Creme de Ervilhas (creme de leite, parmesão, maizena e ervilhas – R$ 38,00) e Creme de Tomate (creme de leite, parmesão, maizena e tomates – R$ 38,00).

O cabrito, em várias versões, é um campeões de procura pelos clientes

Detalhe da decoração da casa

O saboroso Fuzzillé

Sobre João Lellis

            Nascido na cidade de Macaúbas, Bahia, e neto de italianos, João Lellis é um dos grandes nomes da Gastronomia de São Paulo.

“Lellis”, como costuma ser chamado, começou a trabalhar na área gastronômica como faxineiro no Gigetto, em São Paulo. Acordava diariamente a uma hora da manhã e seguia de terno e gravata até o restaurantes, já que os patrões chegavam cedo, às 7h, e a casa deveria estar extremamente limpa.

Aos poucos, virou ajudante de cozinha depois cozinheiro, copeiro e garçom. Um dia, conheceu o mestre Giovanni Bruno, que o convidou para ser garçom eu seu restaurante. Após alguns anos,  gerenciou restaurantes e foi sócio de uma cantina, até abrir a sua, no dia 7 de julho de 1981.

Hoje a Lellis Trattoria tem três casas Além da matriz, na rua Bela Cintra, em São Paulo, há uma na cidade de Campinas e uma em Curitiba.

João Lellis e Fábio Lellis

João Lellis tem ao seu lado, o filho e sócio Fábio, também apaixonado por gastronomia. Este ano Lellis perdeu seu outro filho, Adriano, que gerenciava a parte administrativa e financeira da Lellis Trattoria. Nas três casas, Lellis emprega ao total cerca de 200 funcionários. Seus restaurantes são freqüentados por turistas, empresários, políticos, jogadores de futebol, jornalista, artistas e, principalmente, pessoas em busca de boa gastronomia italiana em ambiente alegre e descontraído.

Aos 68 anos, Lellis é visto nas três casas. Algumas vezes chega a trabalhar no almoço em Curitiba e à noite está recebendo clientes na rua Bela Cintra em São Paulo.  “Atender é sua maior paixão”, diz.

*Também hoje, dia 7 de julho, a Lellis Trattoria da cidade de Campinas comemora três anos e a Lellis da Cidade de Curitiba festeja 14 anos. Assim como em São Paulo, os clientes serão recebidos com a taça de espumante. 

Lellis Trattoria (matriz)– Rua Bela Cintra, 1849 – Jardins – SP. Tels: 113064-2727 e 3062-7699Lugares: 210; Site: www.lellis.com.br. De segundas às quintas-feiras, das 11h30 às 16h, e das 19h a 1h; às sextas-feiras, das 11h30 às 16h e das 19h às 2h; aos sábados e feriados, das 11h30 às 2h e aos domingos, das 11h30 a 1h.

Música ao vivo nas noites de segunda a sábado, das 20h a 1h.  Água Mineral: R$ 4,50 (500ml); CC: Todos. Reservas: de segundas às sextas; Couvert: 9,00 (opcional). Sobremesa mais barata: R$ 12,00 (mousse de macacujá ou chocolate). Sobremesa mais cara: R$ 16,00 (profiterolle); Cerveja Grande: R$ 9,50 ( Bohemia, Original e SerraMalte); LongNeck: R$ 7,00 (Stela, Bohemia, Heineken, Xingu, Malzebier e  Kronembier);  Dose de whisky 8 anosRed Label: R$18,50, Ballantines:  R$ 16,50 e JB: R$ 15,500 e 12 anos: Jack Daniel’s:  R$ 19,50 e Logan: R$ 25,00; Antepastos: cada 100 gr – R$ 8,00. Acesso para deficientes: sim; Banheiro para deficientes: sim. Área de fumantes: sim (externa). Ar-Condicionado: sim. Delivery: sim, Reservas: sim, Musica ao vivo: sim, Todos os cartões de credito: sim. Estac/ gratuito com manobrista.

Outros endereços:

Campinas – na Av. Benjamin Constant, 2031 – Cambuí – 19 – 3251-8809 e 19 – 3294-0708.

Curitiba - rua Gonçalves Dias, 51 – Batel – 41-3242-9320 e 3029-0451

 

 

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS