Hoje, quinta-feira, 16 de abril, das 19h30 às 21h30, o multicultural José Luiz Goldfarb dá a palestra  “Matemática e Poesia: diálogo entre Mário Schenberg e Haroldo de Campos”. Todas as palestras do “Jardim da Ciência na Casa das Rosas” têm a entrada franca.

 

Ciclo de palestras acontece na Casa das Rosas

Ciclo de palestras acontece na Casa das Rosas

Em uma nova e inédita parceria, a PUC-SP, através do Programa de Estudos Pós Graduados em História da Ciência, tem promovido em março e abril o ciclo de palestras “Jardim da Ciência na Casa das Rosas”. São ao total nove palestras que acontecem sempre às quintas-feiras, das 19h30 às 21h30. O foco do ciclo é a complexa relação entre Arte e Ciência. A entrada é franca (sujeita à disponibilidade de espaço).  Hoje, quinta-feira, dia 16 de abril, das 19h30 às 21h30, o multicultural José Luiz Goldfarb, curador do evento, dá a palestra  “Matemática e Poesia: diálogo entre Mário Schenberg e Haroldo de Campos” A Casa das Rosas fica à Avenida Paulista, 37, Bela Vista, telefones 11-3285-6986 e 3288-9447.

“Diferentemente de visões simplificadoras, os professores da PUC apresentam uma perspectiva interdisciplinar e histórica”, diz  Goldfarb, que acrescenta: “versando sobre tempos e espaços diversos, as palestras abrem caminhos para que todos conheçam um antigo e singular jardim de saberes”.

 

Veja a seguir as próximas palestras, que encerram o ciclo

 

Dia 16 de abril

O curador José Luiz Goldfatb

O curador José Luiz Goldfatb

José Luiz Goldfarb – “Matemática e Poesia: diálogo entre Mário Schenberg e Haroldo de Campos”

Homenageando a própria Casa das Rosas que hospeda o ciclo “Jardim da Ciência – Espaço de Poesia e Literatura Haroldo de Campos”, o curador da série de palestras irá comentar as aproximações dos pensamentos de Haroldo de Campos (nascido no dia 19 de agosto de 1929, em São Paulo; e falecido em 16 de agosto de 2003, em São Paulo) e de Mário Schenberg (nascido no dia 2 de junho de 1914 , no Recife, e falecido em 10 de novembro de 1990, em São Paulo), especialmente no que concerne à criatividade na ciência e na arte. Nos anos 80, José Luiz Goldfarb promoveu diversos encontros na residência dopProfessor Mário Schenberg com diversos intelectuais de destaque, como Gilberto Gil, Jorge Mautner, Haroldo de Campos e Hilda Hist. Destes encontros nasce o livro “Diálogos com Mário Schenberg”, que hoje está disponível em forma digital na plataforma Widbook:  https://www.widbook.com/ebook/dialogos-com-mario-schenberg

Utilizando o material do livro de “Diálogos” será aprofundada a questão da visão de cientistas e artistas sobre a criação intelectual, enfrentando a questão de onde vem as ideias originais na Ciência e na Arte? “Poderemos então observar que há muita semelhança entre os processos criativos na Arte e na Ciência”, diz Goldfarb.

 

Dia 23 de abril –

Carla Bromberg – “Os cientistas músicos na História”

Com vasto conhecimento tanto na história da Música quanto na História da Ciência, Carla Bromberg falará sobre muitos cientistas que também dedicaram-se à música. É o caso do pai de Galileu Galilei, Vicenzo Galilei, que tratou a teoria da música do ponto de vista matemático.

 

Dia 30 de abril –

Silvia Waisse - “Pintura e ideias sobre o ser vivo”

Para encerrar o ciclo Jardim da Ciência, a médica e historiadora da Ciência Silvia Waisse abordará a representação do ser vivo em ilustrações do mundo da arte e da ciência, elaborando um paralelo entre as concepções sobre a vida e as representações, durante vários momentos históricos

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS