A operadora  GJP Hotels & Resorts apresentou o projeto de modernização de seu primeiro hotel em São Paulo, o Prodigy Grand Hotel & Suites Berrini, e a implementação de novos hoteis em diversas capitais do País.

 

O presidente da GJP Hotels & Resorts, Guilherme Paulus, e o diretor-geral da operadora, Alberto Grau, anunciaram em São Paulo, o plano de expansão da marca Prodigy no Brasil: “Investiremos cerca de R$ 550 milhões, grande parte de capital próprio, para chegarmos a 20 unidades até 2016, pois vemos que há muito espaço no mercado para hotéis 4 estrelas”, disse Paulus.

Com planos de implantar a marca Prodigy nas principais capitais brasileiras, a rede GJP aposta nos serviços como diferencial para atrair o público de turismo de negócios e lazer. De acordo com Paulus, todas as unidades terão café da manhã, internet de qualidade e utilização de fitness center inclusos na diária. Ela destaca que o maior diferencial será a qualidade dos serviços: “o que realmente vai surpreender aos hóspedes será o atendimento, já que os colaboradores têm como objetivo superar as expectativas dos nossos clientes”, diz.

Com a marca Prodigy, a rede GJP já possui três unidades em operação – o Prodigy Grand Hotel Berrini São Paulo, o Prodigy Beach Resort & Convention Aracaju e Prodigy Aldeia das Águas Park Resort & Conventions Barra do Piraí. Conta ainda com seis hotéis em construção – Aeroportos Santos Dumont (RJ) e Tancredo Neves (MG), Maceió (AL), Brasília (DF) e outros dois em Barra do Piraí, na mesma localidade do Aldeia das Águas.  Além disso, outros dois empreendimentos serão renovados para assumir a bandeira – Serrano Gramado Hotel (unidade anexa ao Serrano Resort) e o Marupiara, em Porto de Galinhas. 

“Acreditamos no grande potencial de expansão da marca e estamos avaliando diversas oportunidades neste momento, incluindo no interior de São Paulo, que vai se desenvolver muito nas regiões próximas ao Aeroporto de Viracopos, já que este será o principal terminal de cargas do país”, completou Paulus.

A operadora apresentou também o projeto de modernização do Prodigyi, cuja operação assumiu em março deste ano. Estrategicamente localizado em uma das regiões mais valorizadas da cidade, nas proximidades dos cinco principais shopping centers de São Paulo e dos grandes escritórios corporativos, o hotel conta com 182 suítes entre 35 e 70 metros quadrados e passará, a  partir desse mês, por ampla renovação, com investimento de R$ 5 milhões .

O projeto, que leva a assinatura do arquiteto Luiz Mori, responsável pela decoração do hotel Saint Andrews, em Gramado, inclui áreas sociais, restaurantes e apartamentos e deve estar concluída até dezembro de 2014, período durante o qual o hotel permanecerá funcionando.  “Estamos nos adequando a um hóspede que a princípio chega ao nosso hotel por conta dos negócios, mas que também procura relaxar e aproveitar o conforto que o empreendimento oferece”, diz Alberto Grau,  diretor-geral da GJP.  Marc Balanger, gerente-geral da unidade, destaca a modernidade do projeto: “Um dos grandes diferenciais do hotel será a conexão entre o lobby e um dos restaurantes, que se tornará também um espaço de convivência e lazer”.

 

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS