Por Carlos Gontow

Foi difícil começar a escrever o meu blog, pois não conseguia pensar na primeira dica. Queria começar com alguma coisa bombástica, que resolvesse de vez os problemas de quem quer aprender inglês e não consegue. Já pensou se eu desvendasse os mistérios do aprendizado do inglês? Ia ficar rico e famoso. Por outro lado, ia perder meu emprego, pois quem ia querer um professor de inglês depois disso?

Bom, depois de muito pensar, descobri que não existe uma dica que seja mais importante. Nem existe uma ordem certa para essas dicas. O que acontece é uma combinação delas. Na verdade, pode ser que algumas dicas não sirvam para você. Pode ser que algumas ou muitas delas você já conheça.

O importante, na minha opinião, é tentar usá-las. Mesmo que você ache que uma dica é boba, que nunca daria certo para você, que você nunca faria isso, tente! Experimente algumas vezes. Se não der certo, se não gostar, não faça mais. Mas se der certo – e muitas vão dar – você terá descoberto uma maneira nova de aprender! Não é legal?

A verdade é que existem várias maneiras de aprender. Você sabe qual é a sua? Cada pessoa é diferente e aprende de uma maneira diferente.  Alguns aprendem muito mais quando vêem as coisas. Eu mesmo, sou uma pessoa muito visual. Gosto de ver a palavra escrita, gosto de figuras, desenhos, fotos. Quando estou tentando me lembrar de uma palavra que li, enxergo na minha cabeça  a página onde a palavra estava e sei o lugar dela onde estava a palavra. Me lembro de rostos de pessoas, lugares. Quando encontro um aluno que foi meu há muitos anos, muitas vezes lembro o lugar onde ele sentava na sala de aula.

Há pessoas auditivas. Elas aprendem ouvindo. Na escola não costumam ter cadernos, pois lembram das coisas que ouvem. Elas aprende as palavras novas pelos sons – não precisam escrever. Você é assim, ou conhece alguém assim?

Há pessoas que para aprender precisam se mexer, tocar em objetos, levantar, sentar, dançar. Sabe aqueles professores que querem que os alunos fiquem quietos, parados? Um aluno desse tipo não consegue aprender dessa maneira.

Há vários livros sobre teorias de aprendizado, mas isso é uma coisa mais técnica e não é o meu objetivo aqui. O que quero dizer é que se você tem ou teve alguma dificuldade de aprendizado, pode ser porque estava tentando aprender de alguma maneira que não era a melhor para você.

Pense um pouco sobre as situações em que você aprendeu bem alguma coisa. Sabe aquela matéria que você adorava, que era fácil para você? O que fez você aprender melhor? Isso vai dar  a você uma idéia de como o seu aprendizado é mais eficiente.

As dicas que vou dar aqui podem ser usadas por qualquer tipo de pessoa. Como eu já disse antes, tente antes de dizer que não funciona. Você pode se surpreender.

Boa sorte!

(Adaptado do blog “Dicas Para Aprender Inglês”)

Escritor, ator, diretor de teatro e blogueiro, Carlos Gontow é professor de inglês há 26 anos. Trabalha com ensino de inglês através de teatro, música e jogos. Tem experiência no ensino de crianças, adolescentes e adultos. Também dá cursos e ministra palestras de treinamento para professores de inglês. É ator e diretor de peças de teatro em inglês. É autor dos livros “The Classroom is a Stage – 40 Short Plays for English Students” (215 páginas, R$ 62,00 em media) e “101 Dicas Para Você Aprender Inglês Com Sucesso” (344 páginas, R$ 58,00 em média) ambos publicados pela DISAL Editora. É também autor do blog “Dicas Para Aprender Inglês” (http://dicasingles.wordpress.com)  – dicas preciosas, que também são publicadas diariamente em nosso jornal.

 

Curta e compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS